Paralisia Facial

Paralisia total de todos, ou alguns, músculos da expressão facial.

Get it on Google Play

Como o Botox® pode ajudar no tratamento de pacientes com paralisia facial

A toxina botulínica tipo A, popularmente conhecida pelo nome comercial Botox®, é famosa pelo seu uso estético para corrigir marcas de expressão, rugas e deixar a pele com uma aparência mais jovem e bonita. No entanto, o uso dessa substância não se limita a beleza. Resultados muito positivos foram observados no emprego do Botox® como tratamento de pacientes com paralisia facial.

A paralisia facial está associada a disfunção de um nervo que atua nos músculos da face, comprometendo o tônus muscular em repouso, as contrações voluntárias e involuntárias dos portadores e a expressão de emoções. As causas da paralisia facial são diversas e podem estar associadas a um acidente vascular cerebral, infecções e traumas, no entanto na maioria dos casos o fator que desencadeia a paralisia facial é desconhecido. O quadro de paralisia facial pode ser temporário ou permanente e exige acompanhamento médico para evitar possíveis complicações.

Normalmente, a paralisia se dá em um dos lados da face e pode comprometer a mastigação, a fala e até mesmo a manutenção dos olhos fechados. Além do déficit funcional, muitos pacientes sofrem com a aparência do rosto devido ao desequilíbrio dos músculos da face, o que pode causar sérios problemas psicológicos e impactar na qualidade de vida do paciente de forma geral.

O uso do Botox® é considerado um tratamento muito importante para esses pacientes. Ele age como um bloqueador neuromuscular, provocando a paralisia muscular flácida e vem sendo usado no tratamento do desequilíbrio dos músculos da face que tanto incomoda os pacientes com paralisia facial.

A aplicação deve ser realizada por um médico dermatologista e o método é simples, rápido e não-invasivo. Ainda que os efeitos da toxina sejam temporários, mesmo após 180 dias da aplicação mais de 75% dos pacientes disseram estar satisfeitos ou muito satisfeitos com os resultados dessa terapia. Além disso, a aplicação da toxina nos pacientes com paralisia facial é considerada uma técnica segura, uma vez que, poucos e limitados eventos adversos foram observados nos pacientes.

Um dos principais benefícios desse tratamento está associado a qualidade de vida e o bem-estar do paciente. Diversos estudos observaram melhorias estéticas e funcionais muito expressivas, o que acarreta na melhora da autoimagem e habilidade de expressão. O uso da toxina botulínica pode ser considerado um recurso indispensável e, até mesmo, o principal tratamento para os pacientes com paralisia facial.

Importante lembrar que este artigo é apenas informativo, todos os tratamentos deverão ser recomendados pelo seu médico.



Baixe nosso aplicativo no Google Play:

Get it on Google Play

04 January 2016