Paralisia Facial

Paralisia total de todos, ou alguns, músculos da expressão facial.

Get it on Google Play

Definição

A Paralisia Facial é um distúrbio (parésia) ou uma paralisia total de todos, ou alguns, músculos da expressão facial. A paralisia Facial pode ser classificada como: No primeiro caso há lesões ou doenças no cérebro, mais exactamente no encéfalo (sistema nervoso central), que envia informações para o nervo facial. Na periférica, há lesões ou doenças no próprio nervo facial, que enerva os músculos da face. Os sintomas e manifestações de cada uma delas também serão diferentes. Quando há lesão do nervo facial ou do núcleo facial, a paralisia é ipsilateral à lesão e flácida, ou seja, lesão de motoneurónios inferiores. Com o passar do tempo ocorre atrofia muscular associada. As rugas e pregas faciais normais, devido à inserção do músculo na pele, desaparecem conferindo uma aparência uniforme e inexpressiva à hemiface afectada. O doente torna-se incapaz de fechar completamente o olho da hemiface afectada, o que frequentemente origina ausência de lacrimação, fazendo com que a córnea resseque. O canto da boca tende a cair e há tendência para que o doente se “babe” por esse canto. As lesões que atingem apenas algum dos ramos terminais do nervo facial só originam a perda dos músculos por eles enervados. No entanto, quando parciais, as lesões nucleares podem envolver grupos musculares seleccionados, dado que sub-núcleos específicos do nervo facial enervam músculos ou grupos musculares-a-salvo específicos.

Baixe nosso aplicativo no Google Play:

Get it on Google Play